Geriatria. Nutrologia. Ortomolecular.

Dieta Detox: limpa o organismo e acelera o emagrecimento

Ao iniciar uma dieta algumas pessoas notam que o resultado é mais lento do que o esperado para o emagrecimento . Algumas mudanças que costumam surgir por causa da alimentação saudável demoram a aparecer, como uma pele mais bonita, cabelos mais brilhantes e um sono tranquilo. A culpa pode ser de alimentos tóxicos que você consumia antes e que causam diversos processos inflamatórios no organismo, fazendo com que ele não consiga mais exercer as funções corretamente. Por isso, é comum sentirmos sintomas dessa intoxicação, como dor de cabeça, fadiga e problemas intestinais. Para evitar esse problema, é válido adotar uma dieta desintoxicante antes de fazer a reeducação alimentar de fato. Essa dieta ajuda o corpo a eliminar as toxinas acumuladas por causa do consumo de alimentos industrializados, açúcar refinado, gorduras saturadas e gorduras trans e hidrogenadas, além de vícios como álcool e cigarro. A duração da desintoxicação dependerá de cada organismo.
Alimentos que auxiliam no detox:
Salmão: Esse peixe é rico ômega 3, ômega 6 e ômega 9, todos nutrientes com poderosa ação anti-inflamatória. Além disso, durante esse processo de desintoxicação, não é aconselhável comer carne vermelha ou outros tipos muito gordurosos, que têm a digestão muito lenta e provocam inflamação. O ideal é ingerir peixe de três a cinco vezes por semana.
Frutas e legumes: Além de terem uma digestão mais fácil, as frutas, legumes e verduras são ricas em vitaminas e minerais que atuam como antioxidantes. A quantidade diária para ingestão de frutas e legumes é de 3 a cinco porções.
Chá-verde: A bebida é rica em catequinas, substância que combate a inflamação e os radicais livres. As catequinas também possuem efeito termogênico, ajudando a reduzir a concentração de gorduras no sangue.
Gengibre: Devido à presença de duas substâncias chamadas cineol e gingerois, o gengibre é um perfeito anti-inflamatório, antioxidante e bactericida.
Alimentos integrais: Por serem ricos em fibras, os alimentos integrais atuam na melhora do funcionamento intestinal.

Sobre o Autor:

Yara Dantas

Deixar Um Comentário